Use este espaço para colocar textos de reflexão, aprofundamento ou reportagens de sua autoria. Não use esta secção para anunciar eventos ou projetos, promover iniciativas ou vender produtos, nem para colocar textos de outros autores.
by on 6 February, 2024
No olhar embaçado do meu pai encontro o reflexo das sanzalas, picadas, regatos coloridos de peixes futuros e uma terra que paria abundância com a facilidade dos sonhos mancebos em terras distantes, separadas por um oceano nauseado em porões defecados por animais e o medo do desconhecido pelos umbrais. ...
22 views 1 like
by on 1 January, 2024
Eu não sei você, mas os últimos anos tem sido transformadores. E esse ano que vai começar, para além das expectativas, dos sonhos, de todos os planos que a gente costuma fazer, me parece que é importante a gente entender a importância de desapegar dos planos. E ter consciência de viver o Aqui e Agora, momento presente e sermos a nossa melhor versão em cada situação que a Vida nos colocar. Seja com as pessoas, com os lugares, com os animais, com a natureza, nas nossas relações de trabalho, rel...
30 views 2 likes
by on 26 September, 2023
On naperons feitos de jornais e velhas listas telefónicas, recortados com o decoro próprio de quem suspira a vida e a mesma se verga sobre si, em deferência, ornamentam as prateleiras vazias de uma cozinha de chão de terra batida, negra. O tempo pára de cada vez que consulto a memória. Na Aldeia de Cima não há maior consolo do que uma lareira a crepitar na tarde de Outubro, lajes espessas, negras e sorridentes, panelas negras em tripé oxidado, traves cobertas de fuligem e as minhas calça...
92 views 4 likes
by on 26 September, 2023
O Outono chega orientado pelo rumo da nortada. As nuvens cinzentas cinzelam o verde escuro, ainda imaculado, pintado nas encostas das serras ao fundo, placidamente a observarem o azul do mar. ...
58 views 3 likes
by on 26 September, 2023
A rua exibe o mesmo tom juvenil de sempre, na ausente sombra dos eucaliptos, decepados num coto estirado em súplica ao céu. As árvores choram, não pela dor, mas na nossa manifesta falta de amor. Sob um empedrado caminho que traz comodidade, sem conforto, jazem estirpes que gretaram paredes e muros, na profunda harmonia entre a natureza e o impropério, senhoras do seu império. ...
76 views 4 likes
by on 28 August, 2023
A grande ilusão da separatividade que tanto coloca - ainda nesses tempos - os seres humanos separados dos próprios seres humanos.  Nem todo o lugar ou grupo são para todos. E está tudo bem. Você não tem que calçar o número 35 se o que te serve é o 38. Simples assim. Cada ser humano é um universo dentro do grande e vasto Universo que nos conecta desde planos muito mais sutis.  Desfrute da sua capacidade de Ser quem és, como és, com aqueles que te são mais afins. Isso não significa que os que n...
137 views 3 likes
by on 24 June, 2023
O céu ameaça, intimidado talvez pelas previsões dos entendidos com os seus smartphones, uns trovões sérios, relâmpagos como castigos divinatórios e chuvas que virão lavar as ruas, excepto se vierem na hora de procissão e, aí, vêm é estragar a festa. Os caminhos que percorro agora, de carro, contrastam com a minha grata e infantil recordação de ir a pé para a catequese aos sábados, no início da tarde. Os paralelos sucumbiram ao peso das preocupações adultas de quem por lá passa, sendo agora cr...
60 views 3 likes
by on 1 June, 2023
Temos um virtual painel no peito. Os botões azuis representam nossas melhores qualidades, como a gentileza, a empatia, o equilíbrio, a resiliência, … Os botões vermelhos simbolizam as  dificuldades, como a impaciência, os apegos, o egoísmo, … Todos nós, de forma consciente ou inconsciente, travamos uma batalha diária, que é vencer a nós mesmos, transcender as mazelas da personalidade.   Durante a vida, nos relacionamos com muitas pessoas, e algumas delas apertam esses botões. Com aquelas que...
161 views 2 likes
by on 29 Maio, 2023
Havias de ter ido, foi a frase que ouvi quando, ao sabor ameno do calor que a parede da cozinha transpirava, chegou à minha beira no cálido final da tarde de sábado. Os hinos monótonos a Nossa Senhora de Fátima ecoam pelo pequeno vale, agora despido, e aliam-se à fé trémula de quem se aflige no mundo, sem se deter muito nele. A banda sonora monocórdica, à guisa de veleidades supérfluas, dá o mote para a explicação da minha ascendência genética.  O caminho, para lados da margem esquerda do Dou...
61 views 2 likes
by on 16 Maio, 2023
“Esta é uma confissão de amor: amo a língua portuguesa. Ela não é fácil. Não é maleável. E, como não foi profundamente trabalhada pelo pensamento, a sua tendência é a de não ter sutilezas e de reagir às vezes com um verdadeiro pontapé contra os que temerariamente ousam transformá-la numa linguagem de sentimento e de alerteza. E de amor. A língua portuguesa é um verdadeiro desafio para quem escreve. Sobretudo para quem escreve tirando das coisas e das pessoas a primeira capa de superficialismo”. ...
89 views 1 like
by on 4 Maio, 2023
Há pelo menos dois anos vivendo num centro planetário bastante particular fui me dando conta com mais profundidade não somente dos processos de cada ser humano que transita pelo meu caminho, mas também dos seres de outros reinos como os animais e as plantas. Creio que falar sobre os animais valerá um texto exclusivamente voltado para eles. Por agora tentarei traduzir um pouco minhas percepções e sentimentos sobre o Reino Vegetal. O Centro Planetário conhecido como ERKS, localizado na região d...
153 views 2 likes
by on 24 April, 2023
Bastaria o silêncio e nada mais para escutar o sussurro da outra dimensão do nosso ser indicando o caminho a seguir. Esse som, essa voz interior carregada de beleza e harmonia a tudo transforma, e rompe os véus da ilusão de que precisamos de algo além de nós mesmos para ser feliz e alcançar a paz.   ...
190 views 1 like